domingo, 24 de fevereiro de 2008

Ata de 16 de fevereiro

RAIMUNDANÇA

alam

Migrou, já faz tempo, em busca de melhor situação.
Da cachaça, não dispensa uma boa talagada,
Reúne-se com os amigos pra churrasco e feijoada,
E, depois de muito tempo, ganhou uma eleição.
Agora, que é presidente, patrocina essa lambança.
Sábado é dia de samba, e não de fazer mudança!

VIDEO DE 23/02/2008

23 DE FEVEREIRO DE 2008

A CONFRARIA CONTINUA SENDO O MELHOR PROGRAMA.





domingo, 17 de fevereiro de 2008

AGRADECIMENTO

TODOS OS CONFRADES VEM AQUI AGRADECER A ELCIONE PELO PRESENTE DADO A CONFRARIA, UM BANNER COM A CEIA

17 DE FEVEREIRO DE 2008

NOSSA CONFRARIA VIVE UM MOMENTO MUITO ESPECIAL






O VIDEO SÓ SERÁ PUBLICADO MAIS TARDE DEVIDO A DIFICULDADES TÉCNICAS

sábado, 16 de fevereiro de 2008

Ata de 9 de fevereiro

QUESTÃO DE GOSTO

alam

O companheiro Gaiteiro executa, sempre com brilho,
Temas clássicos como choro. Mesmo sem ser novidade,
Já vai fazer trinta anos, vinte e nove, na verdade,
Que um disco assim foi gravado por Altamiro Carrilho,
Nessa época de “Créu”, representa um grande avanço
Tocar “O Lago dos Cisnes” e não “Afogar o Ganso”.

domingo, 10 de fevereiro de 2008

09 DE SETEMBRO DE 2008

ESSA CONFRARIA É INDESCRITÍVEL

VIDEO DO SÁBADO

video

sábado, 9 de fevereiro de 2008

Ata de 2 de Fevereiro

ENTRE CRONOS E DIONÍSIO

alam
É um caso especial a nossa cronologia,
O tempo é medido em litros. Isso já foi registrado.
Exemplo: Gogó-de-Ouro compareceu neste dia,
Porém chegou, pelo menos, meio litro atrasado.
Não é Sábado de Aleluia, e muito menos Natal,
Mas Jesus marcou presença, no sábado de Carnaval.

Sábado é o único dia, da nossa semana, que sobra.
Os outros são dias mortos, alguns até assassinos.
Uns são dias de trabalho, o outro, triste destino,
É aquele em que , às vezes, se almoça na casa da sogra.
Portanto com muita música, comidas, bobagens, conversas,
Vamos bebendo o tempo, devagar. Ninguém tem pressa.

domingo, 3 de fevereiro de 2008

02 DE FEVEREIRO DE 2008

NOSSO SÁBADO CARNAVALESCO





VIDEO DE 02/02/2008

sábado, 2 de fevereiro de 2008

ATA DE 26 DE JANEIRO

DÓI, MAS DEPOIS FICA BOM.

alam
Foi uma daquelas tardes de deixar muta saudade,
Quase todos os Confrades desta vez estão presentes,
Batuqueiro chegou tarde, só não veio o Presidente,
Quase três horas, direto, com música de qualidade.
Não foi simplesmente bom, ótimo é a palavra exata,
Com as presenças, brilhantes, do Bochecha e do Batata.


Sofrendo com dor nos quartos, mal dá pra ficar sentado,
Vejo os olhares maldosos dos companheiros presentes,
Seqüela de uma atividade a que não estou habituado,
Existem alguns Confrades que a fazem e nada sentem.
Não pensem que, depois de velho, andei perdendo o juízo,
Simplesmente andei trocando algumas peças de piso.